Divã Veterinário
Alimentos

Alimentos Tóxicos: Alho

Mayra Catharino384 views

Carne, pão, doce, fruta … Não importa! Se você estiver comendo alguma coisa, é muito provável que seu pet esteja do lado implorando por um pouquinho. Estou certa?! E com aquela carinha que eles fazem, muitas vezes somos tentados a ceder. Porém na série Alimentos Tóxicos aqui do blog, nós já conhecemos alguns alimentos que – apesar de serem inofensivos para o ser humano – podem causar sérias complicações para nossos amigos de quatro patas. Hoje vamos falar de um tempero muito presente nas nossas comidas, mas que não vai fazer nada bem para seu animal de estimação: O alho!

alho 1

Allium sativum, como é conhecido cientificamente, possui dois princípios ativos – Alicina e Ajoene – que são potentes relaxantes do músculo cardíaco, além de possuírem um ação vasodilatadora. Ambas as ações vão resultar numa hipotensão (traduzindo: pressão baixa) – Importante ressaltar que alguns sintomas de pressão alta e pressão baixa se confundem, por isso NUNCA tente medicar seu animal em casa! Nem mesmo com sal!

Outra ação do alho é a desnaturação da hemoglobina, gerando uma estrutura dentro da hemácia chamada de corpúsculo de Heinz. A presença desse corpúsculo está relacionada com a anemia hemolítica. – Ou seja, o alho pode causar um quadro de anemia nos animais, um mecanismo muito semelhante ao da cebola.

alho 2

A associação entre os sintomas e a alimentação do animal é muito complicada, pois o médico veterinário não possui informações detalhadas sobre o que é oferecido para o paciente, por isso a sinceridade dos tutores é extremamente  importante. Caso seu pet apresente algum comportamento anormal, entre em contato com um médico veterinário de sua confiança o mais depressa possível.

Lembrando que a tolerância dos animais aos agentes nocivos variam entre espécies e de indivíduo para indivíduo (no caso do alho, os cavalos são mais sensíveis). E não é porque seu pet nunca teve uma reação visível aos seus olhos que determinado alimento não faça mal a ele. – Mas como você é leitor aqui do Divã Veterinário, tenho certeza que você toma os devidos cuidados com seu amigo, não oferecendo nada que possa ser um perigo para seu animal.

alho 3

E por hoje é só! Você gostam desse tipo de tema? Sabiam que o alho era tóxico? Deixem suas respostas nos comentários, estou curiosa para saber. E me ajudem a levar essa e mais informações à outras pessoas compartilhando o post e seguindo o Divã Veterinário nas redes sociais (Facebook|Instagram |Twitter | Youtube)

Um SUPER beijo e até a próxima!


Literatura utilizada:

  • KOVALKOVIČOVÁ, N.; ŠUTIAKOVÁ, I.; PISTL, J.; ŠUTIAK, V.; Some food toxic for pets: Review Article.Interdisc Toxicol. 2009; Vol. 2(3): 169–176. (download aqui)

Direitos autorais das fotos (clique aqui)

Mayra Catharino
Médica Veterinária pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), apaixonada por fotos e bichos. Enxergou na internet a oportunidade de ajudar pessoas e pets, se encantando pela blogosfera, criando assim o Divã Veterinário. Para saber mais, clique aqui

Gostou? Então comenta!