Divã Veterinário
Produtos

Uma ajudinha chamada FERORMÔNIOS

Mayra Catharino4 comments538 views

Também conhecidos como feromônios ou feromonas, os ferormônios são uma parte da ciência ainda pouco explorada. A Humanidade detém um singelo conhecimento na área e a utilização gera controvérsia. E com os animais de estimação não seria diferente!
ferormônios 1Mas afinal, o que são ferormônios?

São sinais químicos, produzidos por um indivíduo, capazes de instigar certos comportamentos de outros de sua espécie. Essas substâncias são voláteis e o órgão vômeronasal é o responsável por captá-las.

Os mais conhecidos são os ferormônios sexuais que atraem e incentivam parceiros na época de reprodução. – E pode ficar passado(a)… Há seres humanos que utilizam dessa tática para  ficarem “irresistíveis”. Mas essas pessoas ignoram que a atração humana tem uma boa influência do psicológico, né?!

As “mensagens” passadas através desses sinais não são totalmente conhecidas, mas algumas moléculas já foram estudadas e estimulam comportamentos de segurança e relaxamento ou até mesmo de tensão, medo e ansiedade.

ferormônios 2
Quando o assunto são os felinos domésticos, as glândulas que se localizam ao redor do focinho são as mais estudadas. Já foram isolados cinco ferormônios dessa área e foram nomeados do F1 até o F5. – E você achava que seu gatinho esfregava o focinho em você como forma de carinho, né?!  Não deixa de ser, mas ele também está te demarcando como o humano dele, hahaha!

Não se sabe como o F1 e o F5 atuam. Já o F2 está associado ao comportamento sexual; o F3 na sensação de segurança e comportamentos associados com o stress, como demarcação com urina e arranhaduras excessivas; e o F4 com demarcação e socialização.

ferormônios 3

A fração F3 já foi sintetizada em laboratório e é comercialmente vendida. O produto chama-se Feliway e tem como objetivo auxiliar a reduzir comportamentos relacionados ao stress, através de um ambiente com uma atmosfera mais segura. Também atua de forma preventiva, podendo ser utilizado em caixas de transportes, dentro do carro, em consultórios veterinários ou quando alguma mudança acontecerá no lar (novo integrante, nova decoração etc). Possui formulações em spray ou difusor. – No site há informações completíssimas, não deixe de conferir!

As pesquisas científicas em relação ao uso do Feliway não são unânimes. Algumas afirmam redução do stress, outras que a utilização desse produto não influencia em nada. Minha opinião pessoal é que se não há nenhum efeito colateral, vale a pena testar! Se seu felino está com algum comportamento ou até mesmo doença por conta do stress… Por que não tentar?

ferormônios 5

ferormônios 6Mas os cachorreiros não precisam desanimar! Também há opção de um ferormônio que auxilia na redução do stress em cães, o nome comercial é Adaptil. Ele é a versão sintética do ferormônio produzido pela cadela lactante, no sulco intramamário. Estimula a sensação de segurança e confiança nos filhotes. Apesar de ser um ferormônio da fase da lactação, pode ser utilizado em qualquer animal independente da idade ou do sexo. Possui formulações em spray, difusor e coleira.

É uma boa opção para cães muito medrosos ou para aquele acontecimento que vai despertar muita insegurança (ex: fogos de artifício do ano novo). Infelizmente não encontrei nenhum lugar que venda no Brasil. – Se você conhecer, deixa nos comentários, por favor!

ferormônios 7

Em relação aos estudos, mesma coisa que o Feliway. Tem pesquisadores que afirmam a eficácia, tem outros que dizem que não tem efeito. E minha opinião também continua a mesma… Por que não tentar? – Queria muito testar no Hugo, pois ele é bem medroso. Mas a Economia não anda favorecendo comprar as coisas em doláres, muito menos em euros, hahaha!

Os ferormônios são um Universo inteiro de descobertas e possíveis aplicações. O Feliway e o Adaptil são somente uma forma bem simples de utilizar esse tipo de terapia a nosso favor e a favor dos nossos pets.

E por hoje é só! Gostou de saber um pouco mais sobre o assunto? Usa ou conhece alguém que faça uso desses produtos? Me conta nos comentários! Sugestões de próximos assuntos também são bem-vindas.

Um super beijo e até a próxima!


Literatura utilizada:

  1. MCCONAGHY, F. et alPheromones for Behaviour Management. Veterinary Behaviour Chapter Proceedings, 2013, 149p. – download aqui.
  2. PEREIRA, S. P. et alImproving the feline veterinary consultation: the usefulness of Feliway spray in reducing cats’ stress. Journal of Feline Medicine and Surgery. 2015 – download aqui.

Redes Sociais do Divã Veterinário: Facebook | Instagram | Twitter | Youtube

Direitos Autorais das imagens | Copyright – clique aqui

Mayra Catharino
Médica Veterinária pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), apaixonada por fotos e bichos. Enxergou na internet a oportunidade de ajudar pessoas e pets, se encantando pela blogosfera, criando assim o Divã Veterinário. Para saber mais, clique aqui

4 Comments

Gostou? Então comenta!